Home

shuji terayama shadow film2

Imagem: Shuji Terayama. Shadow

Erika Martínez. Chocar con algo. 2017, Pre-Textos


 

ROMPER ESO

EL terapeuta de otra me ha dicho que los españoles somos criaturas precartesianas: de ahí esa multitud de poetas y pintores que dan un salto de la cama y simplemente se ponen a hacerlo.

No siempre hemos sido así. En el siglo dieciséis urdíamos ensayos sustanciales sobre el automatismo de las bestias y la estructura de las pasiones. Éramos ultra modernos.

Yo antes amanecía dando un salto de la cama y ahora no puedo; eso constituye un rasgo casi cartesiano. Si nunca saliera de la cama, estaría de vuelta antes de partir. Onetti practicaba.

Me esfuerzo mucho en ser una persona racional, pero los silogismos se me caen de las manos. Ten cuidado, ¿no te das cuenta? Vas a romper eso.


ROMPER ISO

O terapeuta de outra díxome que os españois somos criaturas precartesianas: de aí esa multitude de poetas e pintores que dan un chimpo da cama e simplemente póñense a facelo.

Non sempre fomos así. No século dezaseis urdíamos ensaios substanciais sobre o automatismo das bestas e a estrutura das paixóns. Eramos ultra modernos.

Eu antes amencía a dar un chimpo da cama e agora non podo; iso constitúe un trazo case cartesiano. Se nunca saíse da cama, estaría de volta antes de partir. Onetti practicaba.

Esfórzome moito en ser unha persoa racional, mais os siloxismos se me caen das mans. Ten coidado, non te das de conta? vas romper iso.


PARTIR ISSO

O terapeuta de outra disse-me que os espanhóis somos criaturas pré-cartesianas: daí essa multidão de poetas e pintores que dão um salto da cama e simplesmente começam a fazê-lo.

Nem sempre fomos assim. No século dezesseis urdíamos ensaios substanciais sobre o automatismo das bestas e a estrutura das paixões. Éramos ultramodernos.

Eu antes amanhecia a dar um salto da cama e agora não posso; isso constitui um traço quase cartesiano. Se nunca saísse da cama, estaria de regresso antes de partir. Onetti praticava.

Esforço-me muito por ser uma pessoa racional, mas os silogismos caem-me das mãos. Tem cuidado, não percebes? vais partir isso.


Revisora da tradução para o Português: Sara I. Veiga

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s